João Bá – Um Facho de Fogo que se apagou…

Por Sebastião Nascimento

Um cavaleiro Macunaíma!!! Um cavaleiro que fez da música “ Facho de Fogo”, dele e do amigo Vidal França, uma tocha olímpica mundana, cigana, sem uma pira para arder parada. Nasceu numa cidade sertaneja chamada Crisópolis, no Vale do Rio Itapicuru, a poucos quilômetros do mar da Bahia. João, menino dos riachos cristalinos, cantou o menino brincando de pega-pega com as ondas do mar e o mar lavando os pés do menino.

Sua energia de nordestino, abraçado à cruz do beato Conselheiro, como ninguém cantou Canudos, uma eterna saga de medeia sertaneja, segundo Euclides da Cunha. Chegou a São Paulo com dois caçuás de música e imprimiu sua arte em todo canto que pôs seu pés: poesia, música, cinema.

Seu nome artístico, João Bá, remete a John Sebastian Bah, mas é apenas resumo de um João da Bahia. De passagem por Minas Gerais a caminho de São Paulo e a caminho da Bahia bebeu das fontes e rios das alterosas e no final da vida se fixou no meio do caminho: Rosas dos Ventos. Encravada sobre um morro em Pocinhos de Caldas, JB, conheceu JA e Levi Ramiro seus novos parceiros que lapidaram sua música com violas encantadas.

JA, é João Arruda, um rapagão campineiro que abraçou literalmente o mestre João Bá. Um violeiro maravilhoso que junto com Levi Ramiro, outro violeiro magnifico, produziram nova música junto com o Cavaleiro Macunaíma. Sua música se tornou mais refinada e leve como faz um mestre que ao longo do tempo se depura, se apara e se lapida.

A última vez que encontramos João Bá, num show da Titane, no teatro da USP, na Vila Buarque, JB ainda tinha os olhos de Cavaleiro. Seus amigos João Antônio, Vicente Barreto, Chico César, Titane, Nanah, e outros presentes o acolheram para ouvir a amiga Titane cantar Elomar. Foi a despedida. Que a Rosa dos Ventos prossiga espalhando a música do João Bá pelos quatro ventos.

https://youtu.be/TX2ty4jdXxQ

Sobre joaoantoniofilho

João Antonio da Silva Filho é Mestre em Filosofia do Direito pala PUC - SP. É autor dos livros "A Democracia e a Democracia em Norberto Bobbio", "A Era do Direito Positivo" e "O Sujeito Oculto do Crime - Reflexões Sobre a Teoria do Dominio do Fato", publicados pela editora Verbatin. Advogado, foi vereador da capital por três mandatos consecutivos e deputado estadual por São Paulo. João Antonio nasceu em São João do Paraiso - norte de Minas Gerais. Atualmente é conselheiro do Tribunal de Contas do municipio de São Paulo.
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.