A tentação do abraço – poema de Mimila K Rocha

Abraçar é aconchego, é manter junto do peito a pessoa que se quer…

Braços entrelaçados, corações aproximados, suspiros aliviados superando a solidão…

É circundar, é envolver,

É resolver se aproximar sem preconceito…

É sentir palpitação.

_____________________________________

Abraçar é não perder de vista, é abranger é abarcar

É reconhecer o infinito do desejo de amar.

É vida compartilhada,

É o outro como se fosse eu…

É dedicar-se, é adotar, é curtir o outro no respirar,

É sentir que o amor valeu

_______________________________________

Abraçar é também abdicar sem deixar de fazer planos

É meiguice é excitação é calor no coração sentidos no decorrer dos anos.

É entusiasmo e tentação do desejo de estar perto…

É um gesto de ternura, retorno sem justificação,

Abraçar é reciprocidade por certo.

Mimila K Rocha

Sobre joaoantoniofilho

João Antonio da Silva Filho é Mestre em Filosofia do Direito pala PUC - SP. É autor dos livros "A Democracia e a Democracia em Norberto Bobbio", "A Era do Direito Positivo" e "O Sujeito Oculto do Crime - Reflexões Sobre a Teoria do Dominio do Fato", publicados pela editora Verbatin. Advogado, foi vereador da capital por três mandatos consecutivos e deputado estadual por São Paulo. João Antonio nasceu em São João do Paraiso - norte de Minas Gerais. Atualmente é conselheiro do Tribunal de Contas do municipio de São Paulo.
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s