CAIPIRA PICANDO FUMO, ALMEIDA JUNIOR

Caipira Picando Fumo” é uma das obras marcantes do pintor brasileiro Almeida Júnior, um dos responsáveis por introduzir o homem brasileiro na pintura.

Em razão disso, sua obra está repleta de tipos que nos são bastante comuns.

O caipira é a única figura humana a fazer parte do quadro.

Ele é um homem de meia idade, forte, de rosto marcado pela dureza da vida, que usa uma camisa branca de mangas compridas que vão até o punho, com uma abertura em forma de V no peito, e uma calça amarronzada, gasta, com a barra dobrada quase no meio da perna.

O homem encontra-se calmamente sentando sobre toras, em frente ao paiol feito de taipa, picando seu pedaço de fumo com uma enorme faca, prestando atenção no que está fazendo.

O caipira já preparou a palha de milho, que se encontra atrás de sua orelha esquerda, para receber o fumo picado.

No chão, em volta dele, é possível ver um monte de palhas espalhadas.

Almeida Junior destaca com grande realismo as mãos ásperas e os pés toscos do caipira, com as unhas sujas de barro, assim como a calça, assinalando a vida dura que leva no trato com a terra.

Atrás dele vê-se uma porta entreaberta, sombreada, e, à frente, uma árvore reflete sua sombra no chão.

Parece ser este um momento de grande prazer para o homem da terra.

O sol também aparece indiretamente como coadjuvante na composição que mostra que o homem convive com a sua luz, trazendo luminosidade para a sua simples camisa branca.

Esta obra ficou conhecida pela contribuição regionalista da pintura brasileira e por incentivar um rompimento (ao menos na temática) dos argumentos europeus reconhecidos pelo pintor ituano.

A pintura do “Caipira Picando Fumo” nos dá possibilidade de percebermos a relação homem- terra.

A obra chama a atenção não só para o estudo dos costumes, mas, sobretudo para a questão natural da existência do caboclo nas terras do interior paulista.

Ficha técnica
Ano: 1893
Dimensões: 202 x 141 cm
Técnica: óleo sobre tela
Localização: Acervo da Pinacoteca do Estado de São Paulo, Brasil

Publicado originalmente no portal https://www.historiadasartes.com

Sobre joaoantoniofilho

João Antonio da Silva Filho é Mestre em Filosofia do Direito pala PUC - SP. É autor dos livros "A Democracia e a Democracia em Norberto Bobbio", "A Era do Direito Positivo" e "O Sujeito Oculto do Crime - Reflexões Sobre a Teoria do Dominio do Fato", publicados pela editora Verbatin. Advogado, foi vereador da capital por três mandatos consecutivos e deputado estadual por São Paulo. João Antonio nasceu em São João do Paraiso - norte de Minas Gerais. Atualmente é conselheiro do Tribunal de Contas do municipio de São Paulo.
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para CAIPIRA PICANDO FUMO, ALMEIDA JUNIOR

  1. SEBASTIAO G NASCIMENTO disse:

    O quadro é impressionante pela riqueza de detalhes. A descrição feita pelo texto é reveladora. Também impressionante.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s